A forma em que o óleo mineral é pré-tratado, assim como a sua composição, são decisivos para as aplicações às quais será adequado. Dependendo da distribuição dos hidrocarbonetos e do domínio de certas propriedades, os óleos minerais se agrupam como sendo à base de parafina, naftênicos e aromáticos. Com a finalidade de atingir pressões finais especialmente baixas, devem ser selecionados óleos minerais com base numa fração nuclear.

A resistência térmica e química dos óleos minerais se mostrou ser adequada na maioria das aplicações. Eles oferecem um alto grau de compatibilidade com elastômeros e resistência a hidrólise.